6.12.08

E-mail - de novo!

Reações: 
Talvez seja porque eu ando meio sem paciência com o mundo. Ou talvez seja simplesmente porque algumas pessoas são burras demais. Tá bom, talvez não seja burrice; talvez seja só preguiça de pensar. Mas o fato é que algumas ações conseguem me irritar tão profundamente que eu tenho vontade de sei lá o quê. Encher essas pessoas de porrada, talvez?

Como eu sou um cara contido e não gosto muito de violência (na verdade acho que eu tenho um instinto de auto-preservação muito forte e odeio apanhar, mesmo que eu bata também) acabo não demonstrando para as pessoas o quão perto de uma tragédia elas estiveram. Como um dia desses em que eu enviei um email para algumas pessoas do escritório preencherem um questionário. Eram perguntas simples, que deveriam ser respondidas até o meio-dia do dia seguinte, e era só respondê-las no próprio email. No dia seguinte ao meio-dia eu precisei falar com duas pessoas que ainda não tinham enviado o email de volta. Um deles me disse que já estava terminando, e que ia mandar o arquivo pelo MSN. Pensei que fosse um TXT ou um arquivo de Word, e já fiquei levemente de mau humor -- e pensando, com razão, que provavelmente ele não tinha respondido corretamente às perguntas.

Peço pra ele enviar de volta por email. Qual não foi minha surpresa ao ver um PDF anexado ao email? Respiro fundo, dou dois tapas na mesa (coitada da minha mesa, tem sofrido bastante ultimamente!) e penso: "dá um crédito pro rapaz, talvez ele tenha respondido a todas as perguntas". Abro o arquivo, começo a ler as respostas e vejo que ele não respondeu a todas as perguntas. Dou mais dois tapas na mesa e chamo o rapaz no MSN. Começo a conversa refazendo a pergunta que ele não respondeu direito, ele responde e aí eu começo a descarregar um pouco do meu ódio:

- Rapaz, vou te dar uma dica: da próxima vez se preocupe mais com a informação que você está passando do que com a forma como você a está passando. Se você tivesse lido melhor as perguntas e respondido diretamente no corpo do email você teria levado menos tempo e teria feito tudo certinho de primeira.
- Mas eu só copiei e colei a informação.

Mais tapas na mesa -- dessa vez foram três. Como assim, "copiei e colei a informação"??? Se ele copiou e colou a informação, por que não respondeu direto na porra do corpo do email, meu Deus???

- Mas você salvou um PDF! Não precisava de tanto!
- OK.

"OK", meu filho? Eu te dou um esporro (sutil, eu concordo, mas foi um esporro) e você responde simplesmente "OK"???

Ah, sei lá... não entendo por que eu ainda me preocupo com essas coisas...

Um comentário:

Mari Mari disse...

Eu entendo pq vc ainda se irrita: pelo mesmo motivo pelo qual EU ainda me irrito!!! Pq as pessoas são cretinas e só dificultam ainda mais nossas vidas já cheias de problemas... acho que o melhor a fazer é buscar uma forma de eliminar tais pessoas de nossas vidas, assim metade dos problemas serão automaticamente sanados... :-P

Adoro ver que alguém consegue expressar com palavras exatamente como eu me sinto...